quinta-feira, 3 de abril de 2014

Restos

Foi isso que disseram;
foi assim que fizeram.
Mas enfim, algo de bom restou
em mim e em você.

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Ser!

Faz tempo que o tempo engoliu minhas palavras. Mas hoje, hoje sem nada acordei falando.
As palavras machucam! Nunca pensei que estaria aqui neste espaço, aqui neste tempo.Engraçado, persistir em existir aonde não te querem deixar existir.

sábado, 8 de dezembro de 2012

Psi!

Neste momento a asia. Por de trás da máscara a máscara. Pois somente as palavras revelam o gosto.


quarta-feira, 12 de setembro de 2012

A derrota


Em cada espaço comprimido pelo medo há fragmentos de uma verdade necessária. Na estante ao lado da porta da sala a respirição ofegante suprime o que sobrou da realidade. Já não sei distinguir as vertigens da real situação em que me encontro.

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Aspectos



Dentro dos olhos vi pensamentos. Nestes fragmentos encontrei a razão desiludida atenta pelo chão. Mais certo que este espectro somente a mentira. E a dor é um momento de lucidez. Então, corra, corra mesmo sem saber, sem querer correr, corra para dentro de si mesma de novo...

terça-feira, 3 de abril de 2012

Traças


Nas páginas sujas deste livro velho sem capa,sem autor, sem nome. 

Encontrei minhas lágrimas chorando em meu rosto. 
Lábios retorcidos e sussurros esparços não disfarçam a emoção das folhas velhas me vendo sofrer. 
Meu ser já não é mais tão meu.
E em minhas mãos trêmulas temo porque há de vir. 
Quem sabe assim eu possa entender. Não me tornei mais sábio por ler tanto.

quinta-feira, 29 de março de 2012

Sufoco


Corra, sendo ilusão ou não,esconda-se! Posso tudo diante desse não. Canso, choro situações. Ouvidos distreinados me dão atenção. Morro em braços desconhecidos e sobre um cálice envenenado de pequenas intenções sufoco meus sonhos.Ouço gritos dentro de mim, mas amanhã, amanhã, ah! Deixe estar.